TARTE DA TARDE

prontatarteromaOs domingos cinzentos voltaram e com eles aquela nossa vontade de lanches reconfortantes onde há sempre algo de quentinho e nosso que vem para a mesa. Na sexta-feira ofereceram-nos duas mãos cheias de romãs e com elas a oportunidade de experimentar uma receita nova: tarte de romã. Desta vez,não só segui (quase) a receita à risca (exagerei um bocadinho nos bagos de romã) comooptei por fazer também a massa (em vez da base já pronta).
Ficou deliciosa e quase não sobrou no final do lanche. Porque a fomos comendo ainda meio morna, acho que menos doce ficaria igualmente boa e muito mais saudável. Da próxima vez  vou reduzir o açucar e a essência de baunilha.. Por isso se experimentarem sugiro que diminuam no açucar e roubem na essência…romas_tarderomaEu adoro romãs, para lém de ser um fruto bonito e delicioso faz parte dos frutos vermelhos e diz quem sabe que tem inúmeros benefícios para a saúde: oferece uma forte ação antioxidante, bem como anti-inflamatória, para além de ajudar a prevenir alguns tipos de cancro, combater a diabetes e a artrite, entre muitos outros benefícios. Mas este é um fruto para quem não é preguiçoso porque exige paciência para ser descascado à descoberta dos bagos…  e para esta receita tive dois ajudantes nessa matéria.
ajudantes_tarderoma

 

Ingredientes | Para a massa: 2 chávenas de farinha, 1 ovo, 1/2 chávena de açúcar, 50 g de margarina; Para o recheio: 2 chávenas de leite, 2 gemas de ovo, 50 g de açúcar, 1 colher de sopa de margarina, 2 gotas de essência de baunilha, 2 colheres de sopa bem cheias de farinha maizena, 600 g de bagos de romã.massa_tarderomaModo de preparação: 
1) Junte todos os ingredientes da massa, grosseiramente, e faça uma bola. Deixe a descansar durante alguns minutos;
2) Com o rolo da massa, estenda e forre uma forma de tarte. Leve ao forno a 200 graus durante 3 minutos para iniciar a cozedura.
massaebagos_tarderomamassacreme_tarderoma
Em relação ao recheio ao recheio, leve ao lume num tacho a farinha bem dissolvida no leite com as gemas o açúcar e a margarina, mexendo sempre até engrossar; Encha depois a massa, que entretanto retirou do forno, com os bagos de romã e cubra com este creme. Leve novamente ao forno durante cerca de 25 minutos, a 220 graus.
massaingredientesajudante_tarderomavamosaoforno_tarderomaRECEITA retirada daqui http://www.vidaativa.pt/a/3-receitas-com-roma/ / fotos minhas.

 

RECEITAS NOVAS [1]

Este fim-de-semana passámos muito pouco tempo em casa, mas o suficiente para, durante 60 minutos, arriscar mais duas experiências novas na cozinha: pão e pudim. As duas correram razoavelmente bem a julgar pelas provas e pelo que sobrou de ambas. As duas receitas foram retiradas da edição de janeiro da Magazine do continente “Paixão pela cozinha”. A ideia começou por ser experimentar fazer um pudim. Tinha uma lata de leite de coco cuja data de validade estava quase a expirar. Enfiei o pudim no forno e comecei a achar que precisava de aproveitar melhor aquele tempo de forno ligado e o facto de os miúdos estarem entretidos: um na catequese, um na sesta e outro a ver dragões Berg. Como na agenda deste domingo havia um lanhe de amigos, nada como um pão…sem ser daqueles com tempo de fermentação e outras preparações mais complexas… Fiquei-me por um pão de aveia fatiado.
O Pão de Aveia foi uma agradável surpresa, porque mesmo achando que não ficou consistente e ligado como deveria, talvez porque deixei cozer demais, ficou delicioso e é daquelas receitas que poderemos sempre adaptar consoante as sobras de cereais que temos em casa. Pode ser comido à fatia simples  ou barrado com compotas. A riqueza em cereais confere-lhe uma aparência invernosa a pedir conforto e roda de amigos, o que combinou na perfeição com estes dois dias.

PAODEAVEIA2

PÃO DE AVEIA COM PEPITAS DE CACAU

INGREDIENTES |300 g de farinha sem fermento; 200 g de flocos de aveia; sal qb;1/2 colher de chá de fermento; 1 colher de chá de bicarbonato de sódio; 100 g de pepitas de cacau (não tinha e substitui por pepitas de chocolate, daquelas de frasco de decoração de bolos); 1/2 chávena de chá de mel; sementes de girassol, sultanas e amêndoa laminada (restinhos que tinha do Natal); 1 chávena de leite com sumo de meio limão; 120 g de manteiga derretida; flocos de aveia para polvilhar qb; mel para pincelar qb; manteiga para untar qb;

MODO DE PREPARAÇÃO |  Numa tigela misturar farinha + flocos + fermento + bicarbonato + pitada de sal + pepitas, sementes, sultanas e amendoas laminadas; Noutra tigela bater os ovos e em seguida adicionar o mel, o leite e a manteiga derretida; juntar a mistura da farinha com esta e envolver bem; verter o preparado para uma forma de bolo inglês untada com manteiga; levar ao forno a 200º durante cerca de 45m. Retirar da forma, pincelar com mel e decorar com flocos de aveia.

PaodeAveia.jpg

PaodeAveia2.jpg

SUMARENTAS & SABOROSAS

batidoameixaTITULO

Da ameixeira da avó têm chegado várias remessas de ameixas vermelhas este Verão. Além de serem docinhas QB  e saberem tão bem quando comidas à mão cheia diretamente da árvore em altura fresca, com elas também se podem fazer (entre muitas outras coisas) batidos saborosos. Muito simples na nossa versão. Basta um iogurte grego, uma taça de ameixas desacaroçadas e depois leite e/ou açucar a gosto. Voilá…fica uma delícia num lanche ou a acompanhar uma refeição leve de verão!batidoameixa

Sabiam que há mais de 2 mil variedades de ameixas no mundo? Verdade. Pelo menos segundo os livros e vários sites de nutrição. “As ameixas são fruta sumarenta e doce, disponível num leque variado de cores e sabores. “As ameixas são classificadas em seis categorias gerais – japonesa, americana, rainha-cláudia, ornamental, silvestre e europeia – cujos tamanho, forma e cor variam. Apesar de serem geralmente redondas, as ameixas podem também ser ovais ou em forma de coração. A pele das ameixas pode ser vermelha, roxa, preto-azulado, verde, amarela ou âmbar, enquanto a polpa tem tonalidades como o amarelo, verde, rosa e laranja – um verdadeiro arco-íris

Com mais fibra que qualquer outro fruto, verdura ou legume, é grande fonte de vitamina AB2 e potássio,e também, quando seca, contém alto poder laxativo.  Muito boa para quem tem excesso de colesterol, ajuda ainda à prevenção do cancro do cólon e infeções crónicas (arteriosclerose; gota; reumatismos, hepatite; cirrose).

info daqui & daquibatidoameixa3

FRESCA & FÁCIL

MelanciaLimonada

Tenho algumas novidades e sugestões para partilhar que combinam bem com este tempo, supostamente, de maior fruição para a maioria. Começo por uma da área geográfica da cozinha, bem simples, que ontem experimentei a partir da página DIAS COM MAFALDA, da Mafalda Pinto Leite.

Andava à procura de alternativas para utilização de melancia, em doces e bebidas, e esta veio mesmo a calhar para aproveitar um restinho da grande melancia que me foi desaparecendo em gomos. É uma espécie de limonada de melancia, como ela escreve, e resulta da mistura da melancia com lima e hortelã. Chamar-lle-ia de MELANLIMADA.

É mesmo boa para refrescar um final de tarde ou acompanhar um jantar de verão, desde que servida bem fresquinha!!melanlimahortelada

RETIRADA DAQUI|

INGREDIENTES: 1/4 de melancia, fria; 1 lima; folhas de hortelã, a gosto e água fria, qb; COMO FAZER: cortar a melancia em pedaços e tirar a casca da lima. Encher o liquidificador com a melancia, juntar a lima sem casca, hortelã e agua fria suficiente para atingir a marca de 500ml (a minha faceta gulosa adicionou uma colher de açucar amarelo); tapar bem e misturar tudo muito bem  (se estiver muito espessa adicionar mais água); decorar a gosto e manter bem fresca até servir.

NÊSPERAS da nesPEREIRA

nesperas2.jpg
E VIVA A nêspera, muito em voga na cesta da fruta por estes dias. Nós gostamos sobretudo das que chegam do quintal dos avós, tortas, ainda com ramos com marcas do acaso natural e das investidas de passáros. Este ano têm chegado em farturinha robusta de doces formatos. Nêsperas que se foram pendurando numa nespereira livre de químicos, tubos de ensaio e calendários de produção. Jamais passariam nos parâmetros de qualidade exigidos por leis que mandam para o lixo e desperdício quantidades assombrosas de BOA FRUTA portuguesa todos os dias.
A sorte destas é que tem que têm quem as (a)colha, as limpe ao avental todos os dias e as vá saboreando – às mãos cheias – ali mesmo, quando o sol de fim de tarde cai a pique e a minha mãe se abriga na mãe destas nêsperas.
– “Fruta apanhada da árvore tem outro sabor, não acham meninos?”, repete em retórica. Tem toda a razão, mas o que ela não sabe é que toda a fruta que chega num saquinho com cuidados de mãe é de uma ternura e sabor irresistíveis- Até para meninos esquisitos. nesperas.jpg

As nêsperas possuem propriedades anti-inflamatórias, podem ser úteis em casos de gastroenterite e para fortalecer o sistema imunológico devido ao seu alto teor de vitamina C.As nêsperas são ricas em betacaroteno, fibra, potássio e vitamina A, fazendo maravilhas nos cabelos, pele e olhos.nesperas4.jpgAlguns dos benefícios do consumo das nêsperas: melhorar o sistema circulatório; ter um efeito adstringente; ser uma fruta tonificante e diurética; serem dequadas a todas as dietas pois é pouco calórica, porque rica em cálcio e em fósforo; reduzi o colesterol; diminuir a prisão de ventre devido ao alto teor de fibras e ter efeito protetor das mucosas do estômago e do intestino.

Cada 100 gramas de nêspera possui apenas 45 calorias. Podem ser consumidas em forma de fruto fresco, sumo de fruta ou na confecção de alimentos como tortas e bolos.nespereira.jpg

109# O MELHOR BOLO DE CHOCOLATE DO [noSSo] MUNDO

Este é o resultado de um domingo à tarde por casa numa vila pacata. Um bolo e um mini bolo de chocolate que baptizámos de forma muito pouco original, mas nossa. O melhor bolo de chocolate do noSSo mundo. NoSSo porque foi o primeiro a ser literalmente feito pelos manos. Eu limitei-me a preparar os ingredientes, colocar na forma e entregá-lo à magia do calor do forno. Tudo o resto foram os dois, inclusive o caos na cozinha e na roupa. Extras à receita que compõem o lanche com gargalhadas e nódoas !

 INGREDIENTES
250g de chocolate
250g de manteiga
6 ovos
150g açucar
100g de farinha
2 dl natas em creme

PREPARAÇÃO
1.Derreter chocolate juntamente com manteiga no microondas ou em banho maria;
2. Separar gemas das claras. Bater as gemas com açucar até obter creme fofo. Adicionar o chocolate derretido e mexer bem. Bater as claras em castelo e envolver com o preparado alternando com a farinha; Colocar numa forma e levar ao forno a 180º.
Servir a gosto, com natas ou pepitas…

Garanto que estavam ambos deliciosos!!!!  Seguem a meio em menos de três horas…

98# BOAS NOTÍCIAS DA HORTA

Temos dias mais longos e brincadeiras enérgicas no Benavente até mais tarde.
Maio é um mês de germinação e isto faz-nos bem. Muito bem! Sobretudo se assobiarmos e corrermos com esta melodia no ouvido. Faz PLAY & BOM FIM DE SEMANA.